Conheça 10 Verdades sobre o Óleo de Coco que você Precisa saber! (Parte 2)

Essa semana temos mais 5 Verdades Imperdíveis aqui no Blog. Se você quer ajuda pra emagrecer, não perca essas dicas!

 

Continuação... 

6. Os Ácidos Graxos do Óleo de Coco São Transformados em Cetonas, Que Podem Reduzir Convulsões The Fatty Acids in Coconut Oil Are Turned into Ketones, Which Can Reduce Seizures

Uma nova dieta; até então chamada de Cetogênica (baixíssimo valor de carboidratos e rica em gordura); vem sendo estudada para tratar várias doenças.

A aplicação terapeutica mais conhecida dessa dieta é o tratamento da epilepsia fármaco-resistente em crianças. (confira aqui).

Esta dieta consiste em comer pouquíssimo carboidrato e grandes quantidades de gordura, levando a um grande aumento nas concentrações de corpos cetónicos no sangue. Por alguma razão, esta dieta pode reduzir drasticamente a taxa de convulsões em crianças epilépticas, mesmo naquelas que não obtiveram sucesso com vários tipos diferentes de drogas. Os Triglicerídeos de Cadeia Média no óleo de coco são entregues para o fígado e se transformam em corpos cetônicos, que são frequentemente utilizados em doentes epilépticos para induzir cetose permitindo ao mesmo tempo um pouco mais de carboidratos na dieta. (Saiba mais aqui, e aqui).

 

7. O Óleo de Coco Pode Melhorar os Níveis de Colesterol no Sangue e Assim Diminuir os Riscos de Doença Cardíaca

O óleo de coco é carregado com gorduras saturadas, que na verdade não agridem o perfil lipídico no sangue, como se pensava anteriormente.

As gorduras saturadas elevam o HDL (o colesterol bom) e alteram o colesterol LDL para um subtipo benigno (Saiba mais aqui e aqui).

Num estudo em 40 mulheres, o óleo de coco reduziu o colesterol LDL e o total, além de aumentar o HDL em comparação com o óleo de soja (Saiba mais).

Há também estudos com ratos que mostram que o óleo de coco reduz os triglicérides, colesterol total e LDL, aumenta o HDL e melhora os fatores de coagulação do sangue e da capacidade antioxidante (Saiba mais aqui e aqui).

Esta melhoria nos fatores de risco cardiovasculares, teoricamente, deveria levar a uma redução do risco de doença cardíaca a longo prazo.

 

 

8. O Óleo de Coco Proteje o Cabelo contra Danos, Hidrata a Pele, e Funciona como Protetor Solar

O Óleo de Coco pode servir para vários fins que não sejam comê-lo.

Diversas pessoas estão usando-o para fins cosméticos e melhorar a saúde e a aparência da sua pele e cabelo.

Estudos em indivíduos com pele seca mostram que o óleo de coco pode aumentar a umidade da pele (Confira aqui) e o teor de lípidos.

O óleo de coco também pode ser um protetor contra danos do cabelo. Além disso um estudo mostra eficácia como filtro solar, com bloqueio de cerca de 20% dos raios solares ultravioletas (Veja aqui e aqui)

Outra aplicação é usá-lo como anti-séptico bucal em um processo conhecido como "oil pulling" (Terapia do Óleo), que pode matar algumas das bactérias prejudiciais na boca, melhorar a saúde dental e reduzir o mau hálito (Veja aqui, aqui e aqui).

 

9. Os Ácidos Graxos do Óleo de Coco Conseguem Aprimorar Funções Cerebrais em Pacientes com Alzheimer

A doença de Alzheimer, é a causa mais comum de demência em todo o mundo e ocorre principalmente em indivíduos idosos.

Em pacientes com Alzheimer, parece haver uma redução da capacidade de transformar glicose em energia em certas partes do cérebro.

Os corpos cetônicos pode fornecer energia para o cérebro e os pesquisadores têm especulado que cetonas podem fornecer uma fonte de energia alternativa para estas células anormais e reduzir os sintomas do Alzheimer (Confira aqui).

Em um estudo de 2006, o consumo de triglicerídeos de cadeia média conduziu a uma melhoria imediata na função cerebral em pacientes com formas mais leves de Alzheimer (Confira aqui).

Outros estudos suportam essas descobertas e os triglicerídeos de cadeia média vem sendo intensivamente estudados como agentes terapêuticos potenciais na doença de Alzheimer (Confira aqui e aqui).

 

10. Óleo de Coco Consegue Te Ajudar a Perder Gordura, Especialmente Aquela da Barriguinha

Sabendo que o óleo de coco pode reduzir o apetite e aumentar a queima de gordura, fica lógico que ele é também um excelente aliado na perda de peso.

O óleo de coco parece ser particularmente eficaz na redução de gordura abdominal, e na que se aloja na cavidade abdominal e em torno dos órgãos.

Essa é a gordura mais perigosa de todas e é altamente associada com muitas doenças ocidentais.

A circunferência da cintura pode ser facilmente medida e é um excelente marcador para a quantidade de gordura no interior da cavidade abdominal.

Um estudo realizado em 40 mulheres com obesidade abdominal, fazendo uso de 30 ml (2 colheres de sopa) do Óleo de Coco por dia, levaram a uma redução significativa no IMC e circunferência da cintura em um período de 12 semanas (Confira aqui).

Outro estudo, feito com 20 homens obesos observou uma redução na circunferência da cintura de 2,86 cm após 4 semanas fazendo uso de 30 ml (2 colheres de sopa) de Óleo de Coco por dia (Veja aqui).

Este número pode não parecer muito impressionante a primeira vista, mas esteja ciente de que; nesse estudo; essas pessoas não estão adicionando o exercício ou restrição de calorias. Eles estão perdendo quantidades significativas de gordura abdominal simplesmente adicionando Óleo de Coco em sua dieta!

 

11. Quer mais?

Se você quer tirar proveitos dos imensos benefícios relacionados ao Óleo de Coco, certifique-se de escolher um Óleo de Coco Extra Virgem. Fuja dos refinados!

Essas 10 razões são apenas algumas. As pessoas estão usando Óleo de Coco para todo o tipo de benefícios com sucesso.

Comece seu tratamento hoje, e aproveite os benefícios a longo prazo.

 

A Varejo Natural tem Óleo de Coco Extra Virgem em Promoção. Confira abaixo.

 

 

 

Fonte Original: http://eatlocalgrown.com/2-coconut-oil.html
Tradução: Equipe Varejo Natural

 

 


Deixe um comentário

Os comentários serão aprovados antes de serem exibidos.